Uma Sinopse da Patologia do Poder (Arte & Psicanálise)

Compartilhe!
Amyr Cantúsio Júnior

O Homem nasce bom, mas a sociedade o corrompe.” — (Jean J. Rousseau, século 18)

Não creio nisto. Pela lógica, observação e ética. Talvez seja uma meia-verdade.

Na realidade tem muitos homens que nascem maus e já predispostos ao crime, à mediocridade, à sujeira, pedofilia, homicídios, etc…

Alguns nascem bons, mas o meio social os destrói quase completamente, a ponto de se tornar irreversível. (Laing/Psiquiatra)

De forma que estes maus instruem outros homens a trilharem a força, por condicionamento social, que os seguem cegos e passivos.

Alguns conseguem sair desta armadilha e com muito custo acordam para uma vida melhor e mais digna. Mas uma grande maioria é crucificada todos os dias, por uma mídia podre e doente feita realmente para denegrir a humanidade.

Então é muito difícil tratar um doente, oferecer arte e cultura digna à eles, pois estão já convictos de sua perversidade a ponto de negarem qualquer ajuda. Uma situação muito estudada nos anais da Psiquiatria e Psicanálise atualmente é debatida em centenas de livros.

Indico “A Patologia do Poder” do Dr.Norberto Keppe (vintage) que foi meu instrutor de Psicanálise Integral.

A Libertação dos Povos – A Patologia Do Poder
Norberto R. Keppe
290 Páginas
Comprar

Amyr Cantúsio Jr. – Campinas, SP. É multinstrumentista, artista plástico, escritor. E, claro, Livre Pensador.

Assinar
Notificar:
guest

2 Comentários
Mais Recente
Mais Antigo Mais Votado
Inline Feedbacks
Ver Todos os Comentários
amyr von bathel cantusio
30/05/2024 18:10

Muito grato!!!!

Barata Cichetto
Administrador
Responder a  amyr von bathel cantusio
30/05/2024 22:00

Seus textos são sempre bem-vindos aqui, meu amigo e parceiro!

Conteúdo Protegido. Cópia Proibida!