Poesia: Lu Genez – [Minha casa tem um cheiro covarde]

Minha casa tem um cheiro covarde, um perfume mofado,

Um misto de medo e de paralisia da fala

Como se o verbo gaguejasse antes mesmo do princípio do sopro.

As paredes acanhadas, estão cobertas de areia

Uma maresia cáustica e de claustrofobia servil

Nem as janelas conseguem comer um vento novo.

Tanto é de ontem, pouco resta de horizonte.

 

Minha casa tem olhos opacos, já amaldiçoados pelo tempo das horas

A cegueira avança a passos largos

Como um doença do corpo senil.

Carregada dos ossos, que latejam em noites de lua mínguante.

Veste o telhado e se mistura as ervas daninhas.

Parece que sempre é inverno, no chão lá de fora.

Meus pés machucados, beijam o frio.

 

Minha casa já foi abocanhada por gigantes de concreto com dentes afiados

Roubaram o sol do dia, e os vestígios poeirentos das estrelas cadentes.

Nada sobra de alimento, as rosas do meu jardim.

Elas já morreram em outras estações.

Só se esqueceram de deitar sobre suas esperas amendoadas.

 

Minha casa, que já foi minha

Hoje deserta, relegada a sorte de um abandono

De um descanso morno, de um escombro final.

 

Meus rejeitos, meus dejetos de pele.

Lu Genez, Curitiba – PR
Curitibana, divorciada, aposentada, 52 anos, sem filhos, dois cachorros e com um monte de história por escrever. Bacharel em Ciências Econômicas e ex bancária. Responsável pela coluna Êxtase no blog Oceano Noturno de Letras e com participação em 04 antologias poéticas, todas publicadas pela INDE. Textos selecionados pela Editora Marginal – Liberty Agridoce e Revista Literária Travessa em Três Tempos.

 
Compartilhe
  • 20
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
    20
    Shares
Assinar
Notificar
guest


Atenção: O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais ao autor, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

 

0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver Todos os Comentários

Site Criado Por Barata Cichetto - (16) 99248-0091