Barata: Sexo, Poesia e Rock’n’Roll – Parágrafo 24

Compartilhe!

Barata Cichetto


Continuando do ponto no tempo onde parei, no segundo semestre de 1999, um pouco antes do que seria mais um dos preconizados fim do mundo, me mudei para Belém, PA, a trabalho. Desde 1997 eu tinha retomado meus escritos, embora de forma ainda meio tímida, incentivado pela nova forma de expressão que surgia, a Internet. Criara um site onde começara a colocar além de textos meus, artigo sobre Rock e ai a antiga e renovada paixão começara a estender seus braços ao redor do meu pescoço. E em Belém, naquele último ano do Século XX nasceu A Barata propriamente dito. Ali foi criado o nome para um site que existia… E ali, em contato com um caldo de cultura totalmente diferente que escorria para dentro do meu cérebro, aquela paixão antiga tomou conta. Retornei a São Paulo em 2000 e após uma entrevista ao programa Vitrine da TV Cultura, passei a procurar pelo sangue que eu precisava, o sangue que faltara nas minhas veias por longos 18 anos… Sedento, feito um vampiro aprisionado numa tumba por milênios, eu queria saber tudo, saber o que tinha perdido, beber do que tinha sede, comer do que tinha fome… E então tornei a buscar os antigos lugares, como a Fofinho e a Led Slay. Particularmente a ultima, da qual fui o criador e mantenedor do site oficial durante cerca de cinco anos.

Mas a fome era muito intensa, insaciável, imponderável. Começavam a surgir os compartilhamentos de arquivos em MP3 e então… Os antigos caixotes de laranja foram trocados por Hard Disks de computadores… Gigabytes de musicas, uma revista de Rock e Cultura… E o site A Barata se tornando referencia dentro do universo de Rock na Internet. Meu casamento não ia lá muito bem das pernas e eu me voltara efetivamente ao meu antigo amor de adolescência, coisa típica de quarentões frustrados, diriam os psicólogos…

Do Livro: Barata: Sexo, Poesia e Rock’n’Roll (Uma Autobiografia Não Autorizada)
Editor’A Barata Artesanal, 2012
(ESGOTADO)

Barata Cichetto, 1958, Araraquara – SP, é poeta, escritor. Viveu a vida entre Sexo, Poesia e Rock’n’Roll. Criador e Editor do Agulha.xyz e  Livre Pensador.

5 1 Vote
Avaliação do Artigo
Assinar
Notificar:
guest

0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver Todos os Comentários